A Paróquia de Nossa Senhora da Ajuda, enquanto entidade dotada de autonomia surge em 22 de Janeiro de 1967, por decreto de Dom Florentino de Andrade e Silva, Administrador Apostólico da Diocese do Porto.

No ano pastoral de 1965/66 inicia-se na paróquia a construção da Igreja Paroquial em terrenos confinantes com o Bairro da Pasteleira, por iniciativa da Câmara Municipal do Porto. A inauguração do novo templo, de linhas simples e modestas mas claramente acolhedor, ocorreu em 29 de junho de 1966.

Em 1983 a Câmara Municipal do Porto cedeu uma área de 2400 metros para ampliação das instalações da Igreja Paroquial.

Em janeiro de 1987, no aniversário da Paróquia, foi benzida e entronizada a Cruz Paroquial, uma obra da autoria do Mestre Júlio de Resende: "Cristo numa atitude de cabeça voltada para o Homem num aparente derradeiro olhar".